NOTÍCIAS

Academia de Polícia Penal do Piauí forma primeira turma de Policiais Penais no Brasil

A cerimônia de formatura e certificação dos alunos que concluíram o I Curso de Formação Inicial à Polícia Penal foi realizada na noite dessa quinta-feira (17/12) no auditório do TRT em Teresina A solenidade teve início com a apresentação dos integrantes da mesa: o Secretário de Justiça do Piauí, Carlos Edilson; o diretor da Academia de Polícia Penal do Piauí (ACADEPEN-PI), Policial Penal Jacinto Teles; o presidente da Frente Parlamentar Mista de Desenvolvimento Estratégico do Sistema Penitenciário e Combate ao Crime Organizado, deputado federal Capitão Alberto Neto (DEM-AM); o Comandante Geral da Polícia Militar do Piauí, coronel Lindomar Castilho; o Comandante Geral do Corpo de Bombeiros do Piauí, coronel Demetrius Rodrigues; o advogado Décio Solano, representando o deputado federal Merlong Solano (PT-PI).

Participaram ainda da solenidade e mesa de honra, o diretor de Políticas Penitenciárias do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), Sandro Abel Barradas; a coordenadora da Frente Parlamentar do Sistema Penitenciário do Congresso Nacional, Dra. Maysa Lima; o representante da Defensoria Pública da União no Piauí, o defensor público federal Rômulo Plácido; o vice-presidente da Associação dos Policiais Penais do Brasil (Ageppen-Brasil), José Paulo de Oliveira; o presidente da Associação dos Policiais Penais do Piauí (Ageppen-PI), Marcos Paulo Viana Furtado; o presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários (SINPOLJUSPI), Kleiton Holanda e o representante do Corpo Docente do Curso, o policial penal/pedagogo Enemésio Souto Júnior.

Logo em seguida os formandos foram apresentados e a palavra foi concedida ao orador oficial da turma, George Luz. "Essa turma foi realmente a primeira turma de Polícia Penal não só do Piauí como de todo o Brasil. E foi feita em um contexto de pandemia, de muita diversidade, de crises no sistema. Foi um marco na história do Piauí. Eu me sinto muito honrado de ter sido escolhido para ser orador da turma", declarou o orador, em entrevista ao JTNEWS.

O deputado Capitão Alberto Neto, autor do Projeto de Lei que tem por objetivo principal a Regulamentação da Polícia Penal no Brasil, parabenizou os formandos pela conclusão do curso. "Hoje é uma noite histórica. A primeira turma da Polícia Penal no país e vivemos em um novo momento, o Brasil entendeu que para avançar na segurança, para ter uma segurança pública melhor, tem que investir no homem, tem que investir na Polícia Penal, que por muito tempo foi esquecida. Com a criação da Polícia Penal, estamos vivendo um novo marco", declarou o parlamentar federal.

Em entrevista ao JTNEWS, o deputado Capitão Alberto Neto reafirmou a importância da ACADEPEN-PI, por meio do destacado trabalho do seu diretor Jacinto Teles e do curso de formação de Policiais Penais. "O Piauí sai na frente por ter uma Academia da Polícia Penal, em poucos estados existe isso, sobretudo nas condições do Piauí. Queremos levar essa experiência do Piauí para o restante do país. [...] Nós precisamos investir cada dia mais na seguraança pública, as organizações criminosas não podem mais comandar o crime de dentro do presídio", finalizou.

O secretário da Justiça do Piauí, Carlos Edilson, também parabenizou os novos policiais e à equipe da Academia de Polícia Penal, por meio do seu diretor Jacinto Teles; prometeu interceder junto ao governador do Estado, Wellington Dias, para agilizar a nomeação, mas enfatizou que o governador Wellington já trabalho com planejamento adequado nesse sentido. "Hoje, sem dúvidas é um momento histórico pro Sistema Prisional do Estado do Piauí. Nós estamos formando a primeira turma de policiais penais do Brasil. Eles estão aptos e preparados para fazer parte do sistema penitenciário como policiais penais. Fizeram um curso de formação valoroso, árduo e, principalmente nesse ano de muita dificuldade, de pandemia. Ganha o estado do Piauí por ter à disposição 71 policiais penais formados e habilitados a serem nomeados", afirmou o secretário Carlos Edilson. O JTNEWS também ouviu a aluna Camila Mendes Oliveira, que expressou sua gratidão pela conclusão do curso.

"Eu só consigo pensar em duas coisas: Gratidão e superação. De todas as maneiras nós somos gratos primeiramente a Deus, depois ao diretor da ACADEPEN Jacinto Teles por não ter desistido de nós, porque nós também não desistimos, por isso que estamos aqui. Esse concurso foi suado desde o primeiro momento, fazendo outra prova, concurso anulado e depois passamos por esse momento de pandemia, enfretamos vários obstáculos, inclusive entre nós mesmos", delarou Camila.

Em sua palavra na solenidade, o diretor da ACADEPEN-PI, Jacinto Teles, agradeceu ao governador Wellington Dias e ao secretário Carlos Edilson por confiarem a ele a responsabilidade de coordenar com autonomia didtático e pedagógica a Academia de Polícia Penal do Piauí. "O Piauí é, inegavelmente, uma referência nesta questão da formação da Polícia Penal, não somente pela determinação dos seus profissionais e das suas profissionais mas especialmente pela determinação do governador Wellington Dias, que promulgou a Lei 7.041/2017, estabelecendo uma moderna política de formação, inclusive com pós-graduação em gestão prisional, sempre compatibilizando o plano humanístico com o plano operacional", afirmou dirigente geral da ACADEPEN/PI.

Jacinto Teles enfatizou ainda em seu pronunciamento a importância de todas as instituições policiais do País trabalharem de forma integrada em prol de uma melhor segurança pública, destacando que é fundamental que tal trabalho seja desenvolvido sem que haja avocação de atribuições de uma polícia por outra, a parceria e a integração com inteligência estratégica é fundamento para enfrentar o crime organizado.

A cerimônia foi finalizada com a entrega dos certificados aos novos policiais penais e homenagem aos professores e instrutores da Academia da Academia de Polícia Penal. O secretário de Estado da Justiça do Piauí, Carlos Edilson Sousa, também foi um dos homenageados da noite. Os alunos foram declarados formados e habilitados para as atribuições do cargo de policial penal nos termos do Decreto 17.088/2017 que aprovou o Regimento Interno da Academia de Polícia Penal do Piauí. Cuja nomeação é competência do governador do Piauí, Wellington Dias.

O evento teve restrição presencial devido à pandemia de COVID-19 e foi transmitido ao vivo por meio do Youtube do Governo do Estado. Fonte:https://www.jtnews.com.br/noticias/academia-de-policia-penal-do-piaui-forma-primeira-turma-de-policiais-penais-no-brasil-8331.html#.X94Bq-RfNIU.whatsapp



28 visualizações0 comentário